Três Coisas Sobre Você - um romance de Julie Buxbaum

quinta-feira, julho 14, 2016


3 coisas:

1) eu amei esse livro do início ao fim, não tiraria nada, não modificaria nada e acho que todo mundo que curte YA deveria lê-lo.

2) se você é adolescente, vai se identificar com algum personagem. mas se você já é adulto, esse livro vai trazer lembranças sobre você mesmo quando era mais jovem, e se não, com certeza vai te lembrar alguém.

3) eu ri - ri muito, bem alto - em vários capítulos, tanto pelas situações inusitadas em que a Jessie se colocava, quanto pelo vocabulário dela que muitas vezes me lembrou o meu. #sorrynotsorry



mais 3 coisas:


1) Jessie perdeu a mãe - que era seu porto seguro e a pessoa mais importante na vida dela - foi viver com o pai e a madrasta na California, com um meio irmão pra lá de diferente e ainda teve que aturar episódios de bullying na escola.

2) mas uma pessoa anônima apareceu e prometeu ser seu melhor conselheiro e ouvinte. AN (abreviação para Alguém Ninguém) aos poucos foi conquistando o coração de Jessie e o meu também, e eu não via a hora de vê-los juntos.

3) porém, descobrir quem é AN é o menor dos dilemas na vida de Jessie, e é justamente nessa pessoa anônima que ela vai encontrar calmaria para os momentos de tédio, desespero e desamparo.


só mais três coisinhas finais:

1) eu amei AN. sério. amei muito. confesso que descobri quem ele era bem no início da história e você provavelmente vai descobrir também, mas a graça é ver a sofrência de Jessie para descobrir. aaaah, isso não tem preço! 

2) Julie Buxbaum criou uma história tão fofinha, tão gostosinha e tão presente na realidade dos adolescentes - principalmente pelo uso constante de celulares e redes sociais - que vai ser impossível você não se identificar.

3) eu amei o AN. eu já disse isso, né? eu sei, mas eu preciso dizer outra vez: eu amei o AN. e você - com certeza - vai amá-lo também. aliás, estou escrevendo essas três coisas inspiradas no jeito que ele escrevia para a Jessie: tudo em letra minúscula, exceto os nomes próprios. <3
"Não sou forte. Até o mês passado eu achava que era. De verdade. A vida me deu socos, cagou na minha cabeça, e eu caí de boca, para misturar as metáforas. Ou não. Às vezes a sensação era de que a vida tinha cagado na minha boca."
"A minha vida é um sanduíche de bosta acompanhado de um hambúrguer vegetariano de porra."
"Será que 'pleb' é abreviação de plebeia e isso significa que minha calça é de gente pobre? Bom, é, é sim. Assim como as calcinhas de supermercado que estou tentada a baixar para essa vaca entender que estou cagando e andando para ela."
"Outras pessoas não podem fazer com que você se sinta idiota. Só você."

Livro recebido em parceria com a Editora Arqueiro.
Bjs e até a próxima!

Você pode gostar também

2 comentários

  1. Esse livro é muito amor e tbm entrou para os favoritos. Gostei dele do inicio ao fim e assim como você não mudaria nada a não ser que ele tivesse um pouquinho mais de páginas. kkk

    Blog Profano Feminino

    ResponderExcluir
  2. Mulher, não vou mentir... Passei só o olho rapidamente na resenha, porque não quero saber quase nada sobre ele... Antes de ler... Essa capa é o cúmulo da lindeza, haha. É tão amor!!!

    beijos!

    http://tordodemorango.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para mim. <3
Volte sempre!